top of page
  • danifavaro

Tipologia de Estruturas Vocacionais de John Holland


Para nossos orientandos, este material é um apoio para ilustrar um dos referenciais teóricos discutidos em nossa Orientação Profissional. John Holland correlaciona em sua teoria sobre Estruturas Vocacionais as características de personalidade e o ambiente profissional que escolhemos e criamos em relação a estas características, que acarretarão nossa sensação de satisfação profissional ou não.

Holland Elaborou o Dictionary of Holland Ocupation Codes, publicação de referência para a classificação e o recenseamento de profissões e ocupações dos Estados Unidos e boa parte dos países da Comunidade Europeia. Pode ser que você encontre esta tipologia em programas de Trainee ou processos de seleção de emprego.

Tipologia de Estruturas Vocacionais de John Holland

Autora: Daniela Favaro


Elaborada por John Lewis Holland, (1919 – 2008), psicológo americano, Professor Emérito de Sociologia na Universidade John Hopkins, que desenvolveu os Temas Ocupacionais, baseado na Teoria das Escolhas Vocacionais.

A ideia central em sua teoria é de que as preferências ocupacionais expressam características de interesse e de personalidade, que influenciam a escolha de uma vocação.

Holland sugeriu que as pessoas podem ser categorizadas em 6 tipos principais, porém, este esquema permite a subdivisão dos perfis em até 720 diferentes padrões, através de combinações de sub-tipos.

A Tipologia RIASEC:

A teoria postula que as personalidades e os ambientes de trabalho podem ser basicamente de seis tipos:

Realista (R)

Pesquisador ou Investigativo (I)

Artístico (A)

Social (S)

Empreendedor (E)

Assessoria ou Convencional (C).

De acordo com Holland, indivíduos de personalidades semelhantes criam ambientes físicos e interpessoais característicos que podem ser categorizados através da tipologia acima. Portanto, o modelo também categoriza os ambientes de trabalho a partir da tipologia RIASEC.

IMPORTANTE: uma mesma composição de chave vocacional pode levar a áreas de atuação em profissões diferentes, pois aqui entra a Orientação Profissional de pesquisa nas mais de 250 carreiras que existem atualmente no Brasil, em diferentes modalidades de cursos.

Veja abaixo uma breve descrição destas Estruturas Vocacionais:

Realista: Gosta de atividades concretas e produtivas, que precisem de conceitos técnicos ou tecnológicos e busquem a solução de problemas.

Características pessoais: Apresenta-se pouco sociável, não sendo geralmente seu forte a habilidade interpessoal. Demonstra aversão a situações ambíguas e carregadas de subjetividade.

Possíveis áreas de atuação: engenharias em geral, atividades que envolvam mecânica ou elétrica, atividades ligadas ao campo do tipo da agronomia ou zootecnia; se a área de interesse for medicina, gostará mais das áreas cirúrgicas. Ao fazer administração, o setor financeiro, tributário ou de controladoria terão sua atenção. Atletas profissionais possuem muito do perfil realista, pois precisa de suas características de foco, concentração e determinação em atingir objetivos. Carreiras militares também possuem alto traço do perfil realista.

Pesquisador ou Investigativo:A partir de uma área de conhecimento escolhida, este perfil se dedicará por horas a fio em seu estudo, aprofundamento e análise. Tudo no mundo e à sua volta será compreendido ou explicado através da argumentação lógica.

Características pessoais: desconfortável diante de emoções intensas e conflitos de interesses pessoais, sua tendência será sempre recolher-se às suas convicções. Suas preferências por atividades teóricas e autônomas tendem a torná-lo ainda mais independente com relação a vínculos grupais, e mais centrado em si mesmo e suas prioridades.

Possíveis áreas de atuação: em qualquer profissão é possível ser pesquisador; geralmente após a graduação será atraído à pós-graduação strictu sensu (mestrado e doutorado), para seguir vida acadêmica. Podemos subdividir o grupo pesquisador em um mais objetivo (biologia, biomedicina, farmácia, tecnologia, engenharia, medicina, etc) e outro mais subjetivo (filosofia, sociologia, literatura, psicologia, etc).

OBS: Professores fantásticos são 50% Investigativo e 50% Social... J

Artístico:Criar, bolar produtos, expressar artisticamente sua compreensão do mundo que o cerca. Se você compreender o canal de comunicação utilizado pelo artístico, então compreenderá seu mundo.

Características pessoais: aprecia o contato interpessoal, quando está seguro de poder expressar-se livremente – caso contrário pode apresentar-se mais retraído. É aberto a estímulos subjetivos e emocionais, capaz de perceber as reações das pessoas através de compreensão empática.  Seu tipo de idealismo: sonha com um mundo ideal... e deseja mudar-se para lá!

Possíveis áreas de atuação: publicidade, design, música, artes plásticas, teatro, literatura, etc.

Social:Sua palavra-chave seria RELACIONAR-SE. Atividades em que possa informar, orientar, auxiliar, tratar, ajudar terapeuticamente são suas principais escolhas. Interessa-se pelos vínculos humanos e manifesta sensibilidade e responsabilidade na busca por desenvolvimento individual, grupal, institucional, social e ético.

Possui um estilo de liderança pela credibilidade, dedicação e lealdade.

Características pessoais: Gosta de se sentir aceito e respeitado em suas atividades, ter a atenção para si através de seu jeito expansivo. Seu tipo de idealismo: sonha com um mundo ideal... e começa a atuar imediatamente para que nosso mundo se torne o que sonhou.

Possíveis áreas de atuação: psicologia, fisioterapia, enfermaria, serviço social. Se fizer medicina, preferirá as áreas clínicas às cirúrgicas. Se fizer administração, gostará da gestão de pessoas e Recursos Humanos (seleção e treinamento de pessoal).

OBS: Professores fantásticos são 50% Investigativo e 50% Social... J

Empreendedor:Empreender significa literalmente “tomar a responsabilidade para si, assumir com as próprias mãos”. Este perfil demonstra grande apetite por desafios e não gosta de atividades excessivamente rotineiras. O novo ou inusitado o atraem. Demonstra habilidades verbais para a persuasão, negociação e decisão.

Características pessoais: Extrovertido, apresenta iniciativa e competitividade. Aprecia a aquisição de poder, status e bens materiais. Precisa trabalhar seu excesso de energia para exercer uma liderança positiva, senão tende a adotar um estilo autoritário.

Possíveis áreas de atuação: marketing, atividades comerciais em geral, advocacia, carreira política, se fizer administração gostará da gestão executiva.

Assessoria ou Convencional: Pessoas que gostam de planejamento, organização e busca máxima de eficiência nas mínimas tarefas. Convencional significa seguir convenções, estabelecer normas e regras.

A grande característica de atuação deste perfil seria o protocolo de gestão PDCA:

Plain / Do / Check / Act.

Características pessoais: evita atividades de risco e gosta de ser reconhecido em sua competência. Leal, estável em suas opiniões e emoções, gera alta credibilidade em sua vida pessoal e profissional. Identifica-se com tudo que outorgue status e poder, apresentando habilidades técnicas em negociações – e não o caráter persuasivo do empreendedor. 

Possíveis áreas de atuação: auditoria, contabilidade, administração, gestão e organização, dentre outras.

1.468 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page